Destaques, Novidades

Quatro dicas práticas para dar uma limpeza no guarda-roupa e colocar pra fora as peças que não usa mais

setembro 25, 2015

Como Consultora de Imagem, quando chego na etapa do famoso “closet clearing”, onde eu e a cliente avaliamos o seu guarda-roupa e decidimos juntas o que fica e o que sai, sempre existe uma resistência ao que se refere a livrar-se de certas peças.

Todas nós temos apego a algo, mas não podemos nos apegar a um guarda roupa inteiro, não acham?

Foi por isso que pensei em um post onde pudesse passar pra vocês algumas dicas para organizar o guarda-roupa ou closet. É claro que são só pequenas dicas mas irão facilitar a estressante tarefa de organizar o guarda-roupa, que particularmente eu amo.

534771_386344674754102_1129140428_n

Comece retirando todas as peças do guarda-roupa e separe as que você menos gosta e as que você não usa a muito tempo. Depois de separadas doe, dê para as amigas, venda mas nunca guarde estas peças de volta. Muita gente até separa as peças e depois coloca em uma sacola e fica com aquilo um tempão e acaba voltando tudo para o guarda-roupa. Livre-se do que não quer mais imediatamente.

Sempre haverá um motivo pra ficar com uma peça ou outra, o resultado é um guarda-roupa apertado e com peças que não combinam entre si. Sabe aquela sensação de ter o guarda-roupa cheio de nada para usar? Pois é, é o sinal de alerta para uma faxina geral.

carrie-closet

Ai vão algumas dicas para começar a organização.

1 – DESFAÇA DO QUE NÃO GOSTA OU O QUE NÃO USA À MUITO TEMPO.

Se você comprou uma peça por impulso a muito tempo e ainda não usou, se ganhou algo que não gostou e não pode trocar, se usou somente uma vez uma peça e não usou mais, esse é o momento de dar tchau para essa peça. Acreditar que irá usar, algum dia, só faz com que você guarde por mais tempo ocupando espaço e se sentindo na obrigação de criar um look para ela. A regra é simples: se não usa, se não gosta, não deixe ocupando espaço no seu armário. Você pode doar para alguém que precise, pode dar para uma amiga que queira a peça ou vendê-la se estiver em bom estado para um brechó ou para conhecidas.

Mas se mesmo depois de chegar a essa conclusão você ainda tem dúvidas quanto a uma peça ou outra que não usa a mais de um ano, faça o teste. Coloque uma etiqueta com a data da arrumação no plástico em que guardou as roupas e espere por mais seis meses. Depois disso reavalie, ou você vai voltar a usá-las ou vai perceber que realmente não quer mais tais peças. Essa não é a melhor opção, mas ajuda muito as apegadas.

Bagunça-no-guarda-roupas

2- A ROUPA NÃO ESTÁ EM BOM ESTADO
Sempre existe aquela peça que amamos e usamos demais, que já está gasta, manchada ou cheia de bolinhas. É hora de aposentar a pobrezinha. Às vezes nem é uma peça tão velha assim, mas por algum motivo foi manchada ou danificada, dê adeus também. Além de visualmente não ficar legal, você pode passar uma impressão de desleixo.

Agora se a peça é aquele moletom velhinho que você gosta de usar para dormir, ou a camiseta larguinha, guarde somente uns dois conjuntos, não é necessário ter uma dezena destas peças no seu armário.

3- A ROUPA ESTÁ RASGADA  OU DESCOSTURADA ?
Nesta situação, a regra é a mesma da roupa gasta, cheia de bolinhas ou manchada. Leve a peça a uma costureira e veja se tem concerto. Se a resposta for sim ótimo, as vezes é só uma costura mau feita, mas se tiver que consertar leve logo, pois a peça parada esperando concerto ocupa um lugar inútil no seu guarda-roupas do mesmo jeito. Já se a resposta for negativa, tchau tchau, você não vai querer que ela ocupe um lugar no guarda-roupa que pode ser ocupado por algo mais útil. Imagine você ter uma peça por semanas, meses ou até anos em seu armário só esperando concerto?

4- VOU GUARDAR ESSA ROUPA PARA QUANDO EMAGRECER

As vezes compramos por impulso alguma peça do tamanho um pouco menor pensando em emagrecer para usar, isso é muito comum nas liquidações. Grande erro. As vezes emagrecer é mais difícil do que achar outra peça igual. Pode parecer crueldade, mas é a realidade meninas. Isso serve também para quem emagrece e a roupa se torna enorme para o seu corpo.  Quando dá ajuste, ótimo leve logo a costureira, caso contrário livre-se dela. Pode ser a última peça da loja, última tendência, pode ter custado uma fortuna mas se está pequena demais ou grande demais livre-se logo dela.

É isso meninas, um pouquinho do meu trabalho pra ajudar vocês que querem logo começar a dar uma geral em seu guarda- roupas.
Espero que tenham gostado das dicas e se tiverem alguma dúvida cometem aqui no site ou mande mensagem para consultoria@renatatomagnini.com que terei o maior prazer em ajudar.

bjo

 

Você também pode gostar dessas materias

Não existem comentários

Deixe um comentário

:
: